domingo, 1 de setembro de 2019

Macron, cuide de suas árvores e deixe a Amazônia em paz, pois não pedimos a tua opinião

Emmanuel Macron em conferência de imprensa
“A nossa casa está queimando”. Há motivos de sobra para este comentário do presidente da França, Emmanuel Macron, ter sido tão criticado pelo governo brasileiro. Foi uma postura pequena para o líder de uma nação.
Sem falar que o senhor Macron usou as redes sociais para tal comentário. Um palco perfeito para interpretações dúbias, alarmismo e fomentação de ódio entre os povos.
À parte isso, o presidente francês se apropriou de uma crise que não lhe pertence, já que a Amazônia está em território latino-americano, se estendendo por nove países.
Mas o pior de Macron veio a seguir: defendeu abertamente a “conveniência de conferir status internacional” à floresta caso os líderes da região tomem decisões que prejudiquem o planeta.
Que história absurda é essa Macron? Meu conselho: cuide de suas árvores e deixe a Amazônia em paz, pois não pedimos a tua opinião.
Macron ainda repetiu o mito de que a floresta tropical é o “pulmão do mundo”, um verdadeiro atentado à inteligência de qualquer pessoa. Um mito que já foi desmentido por diversos estudos.
Dan Nepstad, um dos principais especialistas do mundo em floresta da Amazônia, disse que trata-se de uma “besteira”.
“Não há ciência por trás disso. A Amazônia produz muito oxigênio, mas usa a mesma quantidade deste gás através da respiração”, explica.
Ou seja, tudo o que a floresta produz em oxigênio, ela mesma consome. Ele afirma ainda que esse oxigênio também é produzido por fazendas de soja e pastagem.
A verdade é que a bandeira ambientalista é perfeita para Macron, que enfrenta uma popularidade menor que 29% na França. O líder europeu tenta utilizar a briga com o Brasil para ganhar popularidade.
Macron provoca o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, com o objetivo de criar um inimigo comum entre os franceses.
Essa questão ambiental também é perfeita para rechaçar o acordo de livre comércio entre a União Europeia e o Mercosul, costurado através do empenho do governo brasileiro. Os agricultores europeus não querem enfrentar a concorrência brasileira.
Há muito oportunismo nessa história. Muitas falas desonestas por parte do presidente da França, que chegou a usar uma imagem antiga para ilustrar a queimada na floresta.
A fala colonialista do presidente da França, sugerindo interferência internacional no território brasileiro, ofende a todos nós, cidadãos desta terra que tanto amamos.
Chamar Bolsonaro de “mentiroso” também é grave. Demonstra a mentalidade pequena de um representante de uma potência, que deveria ao menos considerar os milhões de votos que elegeram o presidente da República.
Sinceramente me questiono: Macron espera o que com esse comportamento? Quer que acreditemos que seu interesse real é a preservação da floresta?
No entanto, nossa arma contra a histeria e a insanidade é a verdade – como diria Bolsonaro. “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João 8.32).
Por fim, reitero a necessidade de união entre os brasileiros, deixando de lado os interesses mesquinhos, pelo bem da nossa casa. Pelo bem do Brasil.

Ameaça de Macron contra soberania da Amazônia preocupa o Chile

Presidente do Chile diz que Amazônia é um problema para os países da América Latina.

A ameaça feita pelo presidente da França, Emmanuel Macron, contra a soberania da Amazônia, causou preocupação no presidente chileno, Sebastián Piñera.
O líder do Chile esteve em reunião com o presidente Jair Bolsonaro, reforçando o desejo de que os países da América do Sul busquem soluções para o problema da reigião.
Durante encontro do G7, grupo dos países ricos, Macron afirmou que é possível definir um “status internacional” para a Amazônia.
“Associações, ONGs e atores, já há vários anos – por vezes alguns atores jurídicos internacionais – levantaram a questão para saber se podemos definir um status internacional da Amazônia”, disse Macron.
Apesar de não possuir território na floresta tropical, o Chile diz que a declaração do presidente francês poderia afetar o futuro de todos os países da América Latina.

Em sua avaliação, os países da Amazônia não deveriam permitir um debate sobre a questão, pois isso poderia abrir as portas para questionamentos futuros sobre a soberania da região.

Deputada quer proibir danças obscenas e vulgares dentro das escolas


A deputada estadual Clarissa Tércio (PSC-PE), usou o Facebook para anunciar a apresentação de um projeto que proíbe danças com coreografias obscenas e vulgares dentro das escolas de Pernambuco.
ntegrante da bancada evangélica da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), a deputada afirmou que seu objetivo é a “proteção às nossas crianças e adolescentes no âmbito escolar”.
“É inadmissível que o espaço escolar seja utilizado para coreografias obscenas e vulgares, tirando, assim, a inocência das nossas crianças e dos nossos adolescentes!”, comentou no Facebook.
O uso de danças com coreografias vulgares dentro do ambiente escolar tem se tornado comum.
Vídeos nas redes sociais mostram crianças e adolescentes dançando ao som de funk com palavrões e linguagem pejorativa.

A deputada explica que a erotização precoce é um dos fatores responsáveis pelo crescimento da violação da dignidade sexual das mulheres.

Justin Bieber ministra louvor em culto

Cantor declarou que não fez isso antes para não pensarem que o culto era um show.

Ainda se tratando de uma depressão, o cantor Justin Bieber ministrou o louvor durante um culto nesta quarta-feira (27) na Churchome, em Los Angeles (Califórnia – EUA), e dividiu com os presentes o momento difícil que ele tem vivido.
Justin declarou que não cantou na igreja antes porque não queria que as pessoas entendessem que seria um show.
Ele conhece o pastor Judah Smith desde a infância, quando ainda morava no Canadá, e contou com o apoio do líder religioso para ministrar o louvor naquela noite.
No Instagram, Justin compartilhou um vídeo onde mostra duas canções que ele apresentou na igreja que foram “Never Would’ve Made It”, de Marvin Sapp, e “To Worship You I Live”, de Israel Houghton.
Foi pela rede social que ele falou sobre os momentos difíceis que ele tem enfrentado e como a fé o tem ajudado a enfrentar esta batalha.
“Deus está me fazendo passar por uma temporada difícil. Ter confiança em Jesus nos piores momentos é o mais difícil, mas Ele é fiel para completar o que começou”, declarou o cantor.

Justin agradeceu o apoio que sua esposa, Hailey Baldwin, tem lhe dado neste momento e afirmou que tem adorado a Deus por tudo que tem vivido nesses momentos e ainda enviou uma mensagem aos seus seguidores: “Qualquer que seja a dor que você esteja passando, continue dizendo a si mesmo: isso não vai durar muito! Amo vocês, estamos juntos nisso”, terminou.

POLÍTICA“A decisão que tomei me honra”, diz Manuela d’Ávila sobre ajuda a hacker da Lava Jato

Polícia Federal investiga qual foi a relação da ex-deputada com os hackers.

A ex-deputada Manuela d’Ávila, do Partido Comunista do Brasil (PC do B), disse que sua decisão de intermediar o contato do hacker Walter Delgatti Neto com o jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil, foi honrosa.
“A decisão que tomei me honra porque, hoje, o Brasil sabe a partir do trabalho do Glenn, do Intercept e de outros veículos de comunicação, o envolvimento dessas autoridades em crimes horrendos”, acredita.
Em entrevista à Folha, Manuela afirma que “não faz uma grande diferença [sua intermediação] diante dos fatos”. Ela avalia que sua relação com o criminoso não tem gravidade. “Fui a fonte de um jornalista. Foi só o que eu fiz”, diz.
Hoje à frente do “Instituto E Se Fosse Você”, a ex-parlamentar do partido comunista atua no combate à fake news, após ter sido candidata a vice-presidente na chapa de Fernando Haddad (PT).

A ex-candidata à vice-presidência depôs e entregou seu celular à Polícia Federal, que investiga qual foi sua relação com os hackers responsáveis pela invasão dos celulares dos procuradores da Lava Jato.

Bolsonaro visita o Templo Salomão e recebe oração de Edir Macedo


O presidente da República, Jair Bolsonaro, visitou o Templo de Salomão neste domingo (1), da Igreja Universal do Reino de Deus, em São Paulo.
Bolsonaro recebeu uma oração do bispo Edir Macedo, que afirmou que através do presidente da República estava orando por toda a nação.
“Eu queria convidar o nosso presidente da República, sua excelência presidente Jair Bolsonaro, por favor. Eu vou fazer uma oração por ele, e orando por ele eu estarei orando por 210 milhões de brasileiros. Amém!”, disse Macedo.
Bolsonaro está em São Paulo para ser submetido a nova cirurgia, para correção de hérnia incisional, segundo nota divulgada pelo doutor Ricardo Peixoto Camarinha.

Multidão louva a Deus durante protesto contra o regime comunista da China

Milhões de pessoas protestam contra o regime comunista da China em Hong Kong. Nas últimas semanas os protestos, que começaram em março deste ano, estão se intensificando.
Enquanto a multidão toma as ruas da ex-colônia britânica, um vídeo mostra cristãos reunidos cantando no centro da cidade versos que dizem “Cante Aleluia ao Senhor”, um hino de 1974.
O vídeo desse momento histórico está sendo compartilhado pelas redes sociais e emocionando cristãos de todas as partes, por entenderem a importância desse momento político para os moradores da cidade que querem se ver livres da ditadura comunista chinesa.

Enquanto o Partido Comunista chinês tem mobilizado apoio contra os protestos em Hong Kong, tornando as manifestações em verdadeiros palcos de guerra, tentando manter a soberania chinesa sobre o território.

Seres Híbridos: Japão apoia projeto para criar os primeiros "humanimais"

Para alguns pode ser uma surpresa, para outros é apenas o prosseguimento natural da caminhada na humanidade, mas o fato é que o governo japonês decidiu apoiar um projeto para criar os primeiros "humanimais" vivos e reais do mundo.
O objetivo da pesquisa consiste em criar embriões de animais com células humanas, resultando em uma espécie de ser híbrido entre humanos e animais.
De acordo com a revista Nature, uma comissão do Ministério da Ciência do Japão aprovou um pedido de pesquisadores para cultivar pâncreas humanos em ratos ou camundongos – a primeira experiência do tipo a obter aprovação desde que o governo reverteu a proibição da prática, no início deste ano.
"Finalmente, estamos em posição de iniciar estudos sérios neste campo após 10 anos de preparação", disse o pesquisador-chefe Hiromitsu Nakauchi a um jornal japonês.
Vale lembrar que embriões humano-animais já foram criados anteriormente, mas as gestações foram interrompidas após alguns dias ou semanas. Os cientistas realizam este tipo de pesquisa com a esperança de um dia obter em animais levados a abate, como os porcos, uma fonte de órgãos humanos transplantáveis, já que órgãos humanos para transplante são escassos.
A equipe de Nakauchi vai arquitetar embriões de roedores que são incapazes de desenvolver seus próprios pâncreas. Em seguida, os cientistas vão inserir células-tronco humanas nos animais, com o objetivo de fazer com que os embriões desenvolvam o pâncreas a partir de células humanas. Então, os embriões serão transplantados em roedores adultos.
Nakauchi disse à Nature que o procedimento será feito com cuidado, limitando-se ao desenvolvimento dos embriões em um momento inicial, antes de buscar um parto de 'humanimais' em algum momento no futuro.

Passo a passo, continua a caminhada da humanidade rumo ao cenário já profetizado. Não entraremos no mérito da intenção dos cientistas que estão levando a cabo essas experiências.
O que queremos chamar a atenção é que os princípios e padrões estabelecidos pelo Criador estão sendo paulatinamente desafiados pelo homem.
Isso ocorreu no período pré-diluviano, onde aberrações que vão além de nossa imaginação ocorreram, a ponto de ser necessária a destruição da humanidade decaída, já que apenas Noé e sua linhagem genética era "perfeita" [Gênesis 6:9]. Não podemos esquecer que o nosso Senhor Jesus fez um paralelo entre os dias anteriores ao Dilúvio e os dias que antecedem a Sua volta.
Atualmente, num mundo em que pessoas querem ter o direito de ser o  que quiserem e praticar o que bem entenderem, com alguns até assumindo a aparência de animais através de transformações corporais e diversas cirurgias, cremos que num futuro próximo essa tecnologia utilizada no Japão poderá servir aos que reivindicarem o direito de serem "humanimais"...

Após sofrer ataque, Israel lança mais de 40 mísseis sobre o Líbano


Após sofrer ataque, Israel lançou mais de 40 mísseis em direção  a assentamentos no sul do Líbano, informaram os militares libaneses neste domingo (1).
Mais cedo, o canal de TV libanês Al-Manar informou que drones israelenses lançaram produtos inflamáveis sobre um bosque libanês perto da fronteira com Israel, inciando incêndios.
As Forças de Defesa de israel (FDI) confirmaram que as ações provocaram incêndios florestais na fronteira.
Em resposta aos ataques israelenses, as forças libanesas dispararam diversos mísseis anti-tanque contra instalações no norte de Israel.
As FDI afirmaram que os ataques atingiram posições militares com 2 ou 3 mísseis. Os ataques teriam atingido uma ambulância e um posto militar.
"O Hezbollah lançou entre 2 e 3 mísseis do Líbano atingindo um posto das FDI e uma ambulância no norte de Israel. Nós atiramos contra o grupo responsável do Hezbollah. Nenhum israelense ficou ferido no ataque".
Em resposta, Israel então disparou centenas de mísseis contra o Líbano, afirmando ter como alvo o movimento Hezbollah. Os ataques utilizaram pelo menos 40 mísseis e tiveram mais de 100 alvos, atingidos também com unidades de artilharia e tiros de helicópteros.
O clima de tensão aumenta no Oriente Médio no cenário prévio ao cumprimento de importantes profecias bíblicas...

segunda-feira, 4 de março de 2019

Desfile da gaviões da fiel em São paulo simula batalha entre o diabo x jesus e jesus sendo derrota

Coreógrafo da Gaviões diz que objetivo era “chocar” e “mexer com a fé”
As imagens do desfile da escola de samba Gaviões da Fiel, ocorrido na madrugada deste domingo (3) em São Paulo, geraram uma enxurrada de comentários nas redes sociais.
Diversos cristãos, tanto evangélicos quanto católicos, reclamaram da maneira como Jesus foi representado na avenida. Em determinado momento da coreografia, o diabo aparece vencendo a Cristo, que cai ao chão com os braços estendidos em forma de cruz. Muitos comentários afirmavam que tratava-se de uma exaltação da figura do diabo, algo que já ocorreu outras vezes em desfiles de Carnaval
Essa “derrota” é seguida por um momento quando o demônio também luta com os arcanjos. Os comentaristas da rede Globo, que transmitia o desfile, no entando, diziam que aquele, na verdade, não era Cristo, mas Santo Antão, um monge egípcio do século II.
Contudo, Edgar Junior, o coreógrafo da Gaviões declarou numa entrevista após o desfile, que realmente era a figura de Jesus e que planejou esse embate, com a derrota do Salvador, para “chocar”.
“O foco era chocar. Essa comissão de frente foi incrível e alcançou nosso objetivo, que era essa polêmica com a fé de cada um”, explicou.
Chico Pinheiro, comentarista da Globo, posteriormente reconheceu que a emissora errou ao falar sobre a escola e dizer que a figura lutando com o demônio era um santo católico.

Podem fazer a zombaria...mas Jesus tomará providências.

Postagem em destaque

Macron, cuide de suas árvores e deixe a Amazônia em paz, pois não pedimos a tua opinião

“A nossa casa está queimando”. Há motivos de sobra para este comentário do presidente da França, Emmanuel Macron, ter sido tão criticado ...