sábado, 28 de janeiro de 2012

Para Ciro Zibordi, apenas os incautos são levados a crer no toma-lá-da-cá

O pastor Ciro Zibordi escreveu em seu blog uma crítica a pastores da teologia da prosperidade como o pregador Mike Murdock que incentiva os fiéis a entregarem dinheiro nas igrejas para receberem mais dinheiro. A TP é muito criticada, mas ao mesmo tempo as igrejas que a pregam são as que mais crescem no Brasil e em outros países do mundo.

Mike Murdock: pregador da Teologia da ProsperidadeMas para o pastor da Assembleia de Deus em Cordovil, no Rio de Janeiro, esse evangelho pregado por pastores como Murdock é um outro evangelho. “Ele prega ‘outro evangelho’ (II Coríntios 11.4), que induz os incautos a acreditarem que a vida cristã se limita a ‘semear’ e ‘colher’ dinheiro, bens e riquezas”, escreve.
Zibordi explica em seu texto que passagens bíblicas como a II Coríntios 9 ensinava os cristãos a ofertarem movidos por generosidade e não por necessidade, como que desejando colher mais do que foi semeado. “Paulo apresentou a lei do “semear e colher” com a intenção de despertar os crentes de Corinto para o auxílio generoso aos pobres. Seu ensino nada tem a ver com desafios para obter riquezas ou para comprar aeronaves, casas, carros, etc.”.
Na visão do pastor essa passagem é pregada fora de seu contexto, pois quando Paulo diz que quem semeia pouco, colherá pouco e quem semeia com fartura com abundância ceifará ele não estava dizendo que os membros da igreja de Corinto ofertassem esperando receber algo em troca, mas que contribuíssem com espontaneidade e alegria.
“Se o que nos estimula a contribuir para a obra do Senhor é prioritariamente a generosidade, por que Murdock e seus discípulos usam de pressão psicológica e poder de persuasão?”, questiona Ciro Zibordi.
“O evangelho pregado por Mike Murdock nada tem a ver com o verdadeiro Evangelho. Esse famoso palestrante, infelizmente, faz parte do seleto grupo de telemilionários que andam pelo mundo espalhando invencionices”, disse.
Encerrando o texto, Zibordi orienta seus leitores a procurarem os ensinamentos de Jesus que estão em Mateus 5-7,24,25, João 13-17 e Apocalipse 2-3. “Verifique se o Senhor Jesus estimula os seus servos a buscarem riquezas materiais”, diz

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Em 1/3 dos países do mundo é proibido evangelizar

As leis que proíbem a blasfêmia são “alarmantemente difundidas” em todo o mundo, com muitos países estabelecendo punições desproporcionais,...